PRERROGATIVAS, UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA!

MATO GROSSO - 10ª SUBSEÇÃO DE TANGARÁ DA SERRA

Curso - Detalhes | mais cursos

PALESTRA: O DIREITO DE LAJE NA REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA URBANA: LEI FEDERAL N°13.465/2017

Total de Vagas: 27
Data Limite de Inscrição: 12/02/2020
Carga Horária: 3h
Datas de Realização: 13 de Fevereiro - Horário: 18h00 às 22h00
Município: CUIABÁ
Local: Sala da ESA
Preço por Perfil:
  • Advogado(a) Regular: R$ 60,00
  • Jovem Advocacia Regular: R$ 40,00
  • Estagiário: R$ 25,00
  • Estudante: R$ 30,00
  • Público Geral: R$ 70,00

Facebook Facebook Messenger Google+ LinkedIn Telegram Twitter WhatsApp

Descrição:

PALESTRA: O DIREITO DE LAJE NA REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA URBANA: LEI FEDERAL N°13.465/2017

Objetivo:

Explicar os contornos jurídicos que envolvem o Direito de Laje, conforme a nova Lei Federal 13.465 de 2017, que dispõe sobre regularização fundiária urbana e rural.

Abordagem:

O tema é complexo e técnico, vez que envolve o planejamento das cidades. A Lei Federal n°13.465 de 2017 possibilitou o instituto do direito de laje para fins de regularização fundiária urbana, estabelecendo critérios técnicos e jurídicos.

Expositores:

Profª Me. Tatiana Monteiro Costa e Silva - Possui graduação em Direito pela Universidade de Cuiabá (1999) e mestrado em Direito Ambiental pela Universidade do Estado do Amazonas (2007); Doutoranda em Direito pela PUC/SP, no núcleo de tutela difusa e coletiva; Atualmente é professora do UNIVAG - Centro Universitário de Várzea Grande; ex-Diretora de Plano Diretor do Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Urbano - IPDU e ex-Procuradora Municipal de Assuntos Fundiários, Ambiente e Urbanismo - PAFAU/PGM;

Prof. Ms. Marcel Alexandre Lopes - Possui graduação em Direito pela Universidade de Cuiabá e mestrado em Política Social pela Universidade Federal de Mato Grosso. Atualmente é professor universitário do Centro Universitário de Várzea Grande - UNIVAG.

Programação:

1. Questões conceituais;

2. Natureza jurídica;

3. Características;

4. Inovações introduzidas na Lei Federal 13.465/2017;

5. Exigências.



Voltar para pesquisa